18 de febrero de 2020

 

O Município de Faro, após a fase de seleção de empresas do Projeto transfronteiriço IBERICC Global, identificou 14 empresas/projetos empresariais interessados em participar nas atividades do projeto e internacionalizar os seus produtos e/ou serviços.

 

 

Nesta fase do projeto e após ter realizado entrevistas individualizadas, considerou-se importante que as empresas da região do Algarve participantes no projeto se conhecessem e pudessem interagir com o Município na preparação dos próximos passos/etapas, com vista a aumentar os efeitos sinérgicos que o projeto pode proporcionar para as próprias empresas.

O Município começou por apresentar alguns exemplos de coproduções ou intercâmbio comercial com as empresas espanholas participantes no projeto, referindo que o interlocutor transfronteiriço não tem necessariamente que ser do mesmo ramo de atividade. Do mesmo modo, o intercâmbio não tem que ser de empresa algarvia para empresa espanhola, podendo acontecer entre um conjunto de empresas portuguesas e uma ou mais empresas espanholas. Na verdade, o objetivo geral do projeto é a internacionalização das empresas.

De seguida, falou-se da próxima etapa que visa preparar as empresas para a internacionalização e que consiste no levantamento das necessidades formativas de cada empresa para o efeito. A formação terá 2 componentes uma mais generalista dedicada à capacitação para a internacionalização e outra mais específica que visa colmatar falhas de funcionamento em mercado aberto. A primeira componente será facultada na modalidade online e a segunda poderá assumir a modalidade presencial com formador.

As empresas presentes tiveram oportunidade de se apresentar e dar a conhecer os seus produtos e serviços, bem como comunicar as suas expetativas quanto à sua participação no projeto, das quais se destacam:

– Benchmarking, através da troca de experiências com empresas congéneres espanholas;

– Procura de contactos de operadores turísticos nas áreas do turismo culinário e de luxo;

– Aproveitar a oportunidade para criar, na área do turismo cultural e criativo, um novo produto/projeto âncora que represente Faro e a região do Algarve com potencial de exportação;

– Oportunidade de realizar coproduções ou criar um novo produto que represente o Algarve e a Andaluzia;

– Promover uma coprodução Algarve/Andaluzia na área do turismo culinário;

– Oportunidade de participar em feiras internacionais, como por exemplo a MOMAD de Madrid;

– Oportunidade de promover coproduções na área da moda sustentável, nomeadamente com a utilização de materiais e padrões artísticos representativos das culturas regionais;

– Intercâmbio com Galerias de Arte.

A reunião terminou com o pedido de preenchimento do questionário sobre as necessidades formativas, acordado pela parceria do projeto.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos requeridos están marcados *

Publicar comentario